Cristiano Ronaldo detona Manchester United: “Sinto-me traído por tentarem me forçar a sair”

Por: Sérgio Flávio

Era notória que a relação entre Cristiano Ronaldo e o clube Manchester United não vivia dias de felicidade. Mas agora parece que as coisas pioraram, e provavelmente não voltarão tão cedo aos dias de sorriso entre ambos.

O jogador português cedeu uma entrevista exclusiva ao jornalista Piers Morgan, onde “abriu algumas cubas” que o fazem sentir-se desconfortável no clube. Segundo CR7, o clube virou as costas para ele quando perdeu a sua filha, pois não sentiu empatia por parte da direcção, nem tão pouco foi acreditado no início da pré-temporada quando alegou que tinha uma das suas filhas internadas.

“Como Picasso disse, você tem que destruí-lo para reconstruí-lo… e se começarem comigo, para mim, não há problema. Um clube deste tamanho deveria estar no topo, mas não é o caso, não há desculpas. Nada mudou aqui desde que Sir Alex partiu. Quando decidi voltar ao Manchester United, segui o meu coração. O Manchester United tentou forçar-me a sair. Não só o treinador, mas também as outras pessoas que estão perto do clube. Eu me senti traído. Sinto que algumas pessoas não me queriam no Manchester United, não só este ano mas também na temporada passada”.

Durante a entrevista longa, Ronaldo fez inúmeras declarações duras e uma delas foi sobre o actual treinador do clube que juntos vivem uma relação conturbada.

“Eu não tenho respeito pelo Erik ten Hag porque ele não mostra respeito por mim, é simples. Eu amo o Manchester United, eu amo os fãs, eles estão sempre do meu lado. Mas se o Manchester United quer fazer diferente…eles têm que mudar muitas coisas. Aqui o progresso tem sido ZERO desde que Sir Alex Ferguson deixou o clube”, declarou.

Entretanto, essas declarações surgem numa altura em que os campeonatos domésticos estão parados e CR7 não foi convocado para o último jogo antes do início do Mundial. Pelo que parece, Cristiano Ronaldo dificilmente voltará a jogar com as cores do United após o campeonato do mundo, o que se espera é que ele e seu agente Jorge Mendes procurem rapidamente um novo clube.

O post Cristiano Ronaldo detona Manchester United: “Sinto-me traído por tentarem me forçar a sair” apareceu primeiro em Mozambeats.

Source by [author_name]

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *