domingo, agosto 7, 2022
Entretenimento

Kanye West afirma que a YEEZY representa quase 70% das vendas online da Adidas

Kanye West ficou bastante descontente com o Yeezy Day, ação criada pela Adidas para a linha Yeezy que acontece anualmente em 2 de agosto, onde os fãs têm uma segunda chance para comprar alguns dos tênis mais concorridos que Kanye criou.
Em uma mensagem direta para a conta Complex no Instagram, West compartilhou sua desaprovação ao Yeezy Day, dizendo “A Adidas inventou a ideia do Yeezy Day sem minha aprovação”, e não parou por aí.
De acordo com West, a marca também relançou os estilos mais antigos da Adidas Yeezy, projetou as cores dos Yeezy e contratou funcionários para a linha – incluindo o gerente geral da Yeezy – sem sua aprovação.
Kanye West também afirmou que a marca dificultou sua parceria em andamento com a Balenciaga e a Gap, alegando que a Adidas diminuiu a produção dos tênis casuais que ele e a diretora criativa da Balenciaga, Demna Gvasalia, criaram para a Gap, apesar do calçado não violar seu contrato com a marca das três listras.
Além disso tudo, Ye fez uma afirmação interessante no final do texto, e que mostra o tamanho da importância da sua linha para a Adidas.
Todos sabemos que a parceria YEEZY x Adidas é um sucesso absoluto pelo mundo todo, porém agora temos um numero para exemplificar isso. Segundo o artista, a YEEZY representa 68% de todas as vendas on-line da Adidas.
o que é um numero gigante e que explica a rápida ascensão de Kanye para se tornar um bilionário nos últimos anos.
No seu texto, West continua dizendo que quando ele se aproximou da Adidas para produzir mais pares de seus sempre populares Yeezy Slides, a marca disse que “eles não tinham capacidade enquanto a Adidas estava copiando meus slides e fazendo sua própria versão dos Yeezy Slides”, referindo-se ao novo Adilette 22 da marca, no qual ele expôs suas queixas em junho.

Leave a Response